Com 32 homicídios, RN tem o fim de semana mais violento do ano.

Trinta e duas pessoas foram mortas no Rio Grande do Norte neste final de semana – o mais violento do ano no estado, segundo levantamento feito pelo Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO).

Ainda de acordo com o instituto, os homicídios foram registrados entre a 0h da sexta (21) e as 23h do domingo (23). No ano, ainda de acordo com o OBVIO, 1.363 pessoas já foram assassinadas no estado. O crescimento é de 23,2% em comparação ao período de 1º de janeiro a 23 de julho.

Resultado de imagem para Com 32 homicídios, RN tem o fim de semana mais violento do ano.

Publicidade:

Corpos de dois homens são encontrados amarrados sobre reboque na zona rural de Jandaíra.

Corpos de dois homens, com marcas de tiros, foram encontrados na manhã deste sábado (22), amarrados sobre um reboque engatado a um carro abandonado na zona rural do município de Jandaíra.

O carro é um Polo preto, que foi deixado em uma estrada de terra nas proximidades da fazenda de um ex-prefeito do município, em uma região conhecida como Aroeira.

Já o reboque, que tem as laterais fechadas com madeira e abertas no alto com grades de ferro, é daqueles usados para o transporte de animais de grande porte, principalmente cavalos.

Na carroceria do reboque, os corpos estavam de pé, presos pelo pescoço às grades e com as mãos atadas nas costas. Há várias marcas de tiros nas duas vítimas.

Segundo o sargento Francisco Canindé da Silva, responsável pelo policiamento militar em Jandaíra, as vítimas ainda não foram identificadas, mas moradores da região disseram que ambos são suspeitos de roubo de animais. G1

Publicidade:

Kekel enrolado em mais um processo por acusações vazias, levianas e mentirosas

O jornalista e prefeito de Macau, Tulio Lemos ingressou com duas ações judiciais para que o vereador Emmanuel Clelio-Kekel apresente provas sobre forte acusação de corrupção contra ele, feita nas redes sociais. Para Tulio, a crítica respeitosa sobre possíveis falhas administrativas será sempre bemvinda. “A liberdade de expressão não pode ser confundida com a levianidade de pessoas irresponsáveis”, disse.
Tulio acrescenta que todo o ataque pessoal que coloque em xeque a sua credibilidade como jornalista e agente público será caso para a justiça resolver. Para a defesa do prefeito, por razões meramente político-partidárias, sem fundamentação alguma, a fim de causar fato político, o vereador Kekel, utilizando as Redes Sociais, de forma leviana e irresponsável, acusou o prefeito de estar legalizando uma “roubalheira” de dinheiro público.
“Ataques gratuitos e acusações inverídicas e anêmicas, portanto, devem ser rigorosamente reprimidos; as acusações são constrangedoras, infundadas, carecendo-lhes qualquer fundo de verdade, pois além de mentirosas e levianas, apresentam-se despidas de fundamentação fática e de direito, obrigando o prefeito a tomar todas as medidas cabíveis ao seu alcance, visando à reparação de sua honra e restauração da verdade”, pontua o advogado Iran Padilha.
 
Indenização e condenação pelo Código Penal
A ação assinada também pela advogada Ana Clara Lemos requer indenização que será arbitrada pelo magistrado, o valor segundo o prefeito Tulio Lemos será doado para instituições que prestam serviços no município, a exemplo da APAE. O vereador vai responder ainda criminalmente pela acusação leviana com incursos dos artigos 138, 139 e 140 do Código Penal.
Celso Amâncio
Publicidade:

MPRN e Prefeitura de Macau ratificam acordo.

O I Fórum Municipal de Políticas sobre Drogas, realizado nesta quarta-feira, 19, no Teatro Porto de Ama serviu também para o município de Macau apresentar toda a rede de proteção para pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Representando o Procurador Geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite, a Procuradora-Geral de Justiça Adjunta, Elaine Cardoso Teixeira destacou o fato da gestão Tulio Lemos retomar projetos, através de uma rede articulada, que se capacita para reconstruir oportunidades desvinculadas do uso prejudicial das drogas, especialmente para os jovens.

Na sua fala, o prefeito Túlio Lemos ressaltou que todas as secretarias municipais estão integradas para incrementar a implantação de políticas públicas sobre drogas. “A questão das drogas está inserida em uma rede complexa e entendemos que a atuação deve ir além da repressão, trazendo ações que coloquem em prática a filosofia do projeto Transformando Destinos”, declarou o chefe do executivo, bastante otimista.

Transformando Destinos

“A proposta apresentada pelo Transformando Destinos é chamar a atenção da sociedade para o problema das drogas, com enfoque não em combater, mas sob a perspectiva do cuidado e da atenção às pessoas. Temos um dado que retrata bem isso: o índice de evasão escolar está intimamente ligado ao crescimento no acesso ao consumo de drogas entre crianças e adolescentes. Então é preciso reforçar essa rede, com o fortalecimento das políticas públicas”, ressaltou a procuradora-geral de Justiça adjunta Elaine Cardoso.

Termo de cooperação técnica

Durante o fórum, onde também compôs a mesa de autoridades a presidente do Comitê Gestor do Transformando Destinos, a primeira-dama e Secretária Municipal de Assistência Social, Andréa Lemos, o Ministério Público do Rio Grande do Norte renovou o termo de cooperação técnica com o município, representando a ratificação do acordo firmado em 2015.

A comitiva do MPRN no Fórum contou com a Promotora de Justiça Sandra Angélica, que apresentou a palestra “Políticas sobre drogas no Rio Grande do Norte e o Projeto Transformando Destinos” e ainda com a participação das promotoras Kalina Filgueira e Isabel Menezes.

Representando o Projeto Redes, articulado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Saúde, Gustavo Dias e Martha Emanuela também participaram ativamente das discussões no Fórum, onde técnicos das secretarias municipais de Educação, Saúde e Assistência Social apresentaram painéis detalhando os serviços que são ofertados na rede pública em Macau.

Ministério Público se coloca como parceiro da gestão na construção de políticas públicas

Veja mais imagens do I Fórum Municipal de Políticas sobre Drogas

 

Publicidade:

Bom Exemplo: Gerente da Caixa se senta no chão para atender homem deficiente.

Gerente da Caixa foi fotografado atendendo um senhor deficiente físico de igual para igual: sentado no chão e olhando em seu olho.

É interessante como pequenos gestos de gentileza e humanidade ganham tamanha repercussão, a explicação mais “óbvia” é que esses gestos não são vistos frequentemente, e o que devia ser regra vira exceção.

Esse fato aconteceu em Volta Redonda, microrregião do Vale do Paraíba Fluminense, no Rio de Janeiro, onde a Isabel Paiva, de 54 anos, presenciou uma cena emocionante.

Um senhor na faixa dos 50 anos, com pernas amputadas, entrou na agência da Caixa Econômica Federal e muita gente ignorou a presença dele, e então o Luis Claudio, abordou o senhor para ajudá-lo e para que ele não ficasse na fila. Mais um detalhe fez toda a diferença: mesmo de roupas formais, como camisa e calça social, ele se sentou no chão para conversar mais tranquilamente com o senhor, sem se importar se ia sujar sua roupa de trabalho.

Publicidade:

Prefeitura ratifica parceria com o Ministério Público.

O prefeito de Macau Tulio Lemos assina nesta quarta-feira, 19, um termo de ratificação de cooperação técnica com o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) que visa reforçar a atuação do município nas ações direcionadas à prevenção do uso de drogas, ao tratamento e à reinserção social. A cooperação é resultado do trabalho ministerial realizado por meio do projeto Transformando Destinos.

O documento será assinado durante o I Fórum Municipal de Políticas sobre Drogas em Macau, fruto da articulação da sociedade civil e de diversos órgãos públicos, que acontecerá a partir das 8 horas no Teatro Petrobras Porto de Ama.

A programação do fórum conta com a participação da coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Infância e do Adolescente (Caop), Sandra Angélica Pereira Santiago. A representante do MPRN ministrará a palestra “Políticas sobre drogas no Rio Grande do Norte e o Projeto Transformando Destinos”.

Tulio Lemos assina hoje termo de ratificação de compromisso da prefeitura com o MP

Publicidade:

TCE de olho em obras inacabadas do RN.

A questão das obras paralisadas e inacabadas no Rio Grande do Norte, alvo de um levantamento realizado pelo Tribunal de Contas do Estado, será o foco do I Seminário Integrado de Controle Externo, a ser realizado nesta quarta-feira, dia 19 de julho, no auditório do TCE.

Essa é uma nova proposta que, além de apresentar os dados investigados pela equipe técnica, abre espaço para discussão e busca de solução para um problema que resulta em prejuízo para a sociedade. No Estado, foram monitoradas 313 obras nesta condição, o que representa um potencial dano ao erário na ordem de R$ 308 milhões.

 

Publicidade:

Hélio é um Prefeito amigo da criança.

Diferentes estudos já demonstraram que durante a primeira infância, compreendida como etapa do desenvolvimento da criança, é possível aprender mais e melhor. É também nessa fase em que se tem estruturado o desenvolvimento da inteligência, das emoções e da convivência empática.

Razão pela qual esse período é tão importante para as crianças e vem sendo abraçado de modo especial pelo prefeito Hélio em Guamaré. Um gestor que tem sido amigo da criança, dando a garantia de viver com saúde, educação, segurança e laser.

No último dia (16), no estádio de futebol, algumas criança estavam com seus pais prestigiaram o jogo, mais logo que terminou a partida, as crianças correram ao encontro do prefeito Hélio. Um gestor que tem sido durante todo tempo, o prefeito amigo da criança.

 

Publicidade:

Orla de Férias movimenta Aratuá como espaço de lazer para a família em Guamaré.

Oficinas de stand up e slackline, aulão com instrutores do Projeto Vida Saudável, torneios de beach soccer, vôlei e futevôlei e ainda funcional kids, jump e fit dance transformaram a orla de Aratuá em uma grande arena esportiva e de recreação, nesse terceiro domingo do Projeto Orla de Férias, na cidade de Guamaré.

O projeto da Secretaria Municipal de Esportes reservou ainda um espaço para os papais garantir a diversão da criançada com futebol de sabão e pula-pula. “Até o último domingo de julho, estamos oferecendo plenas condições para que a família de Guamaré se encontre na praia nesse clima de pura diversão”, declarou o prefeito Hélio Willamy, que acompanhou de perto toda a programação.

O Orla de Férias vem sendo elogiado por toda a população de Guamaré e há possibilidades do projeto se manter nesse formato, mesmo em períodos fora das férias escolares, movimentando a orla da Praia de Aratuá pelos menos um domingo ao mês. “Estou feliz com a aceitação e a participação do público de todas as idades em mais um projeto que marca o cuidado da nossa gestão com as pessoas”, concluiu o prefeito Hélio Willamy.

Publicidade:

Promotora de Justiça destaca projeto de Guamaré em audiência pública que comemorou os 27 anos do ECA.

A cidade de Guamaré está a muitos passos à frente do vizinho município de Macau, quando o assunto é política pública da infância e adolescência. O tema pautou uma audiência pública que comemorou os 27 anos do Estatuto da Criança e da Adolescência-ECA, promovida pelo Conselho Tutelar de Macau, nesta quinta-feira, 13, no Teatro Porto de Ama.

Em uma de suas interferências na reunião pública, que contou também com as presenças da juíza da Vara da Infância da Comarca de Macau, Larissa Almeida e do juiz da Infância da Comarca de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, a Promotora de Justiça de Macau, Isabel Menezes destacou o fato do município de Guamaré ter sido selecionado entre 386 cidades do Brasil para desenvolver um projeto apoiado pela Fundação Itaú Social.

O assunto veio à tona justamente quando se discutia a importância da atuação dos conselhos municipais dos direitos da criança e do adolescente, com destaque para os projetos sociais financiados a partir da captação de recursos, através do Fundo da Infância e Adolescência – FIA. O projeto da Fundação Itaú Social fez parte das ações trabalhadas nas estratégias identificadas no processo da edição 2013-2016 do Selo Unicef.

O Projeto intitula-se “Acolher: Programa de Atendimento Educacional” e tem atuação direta em benefício de 100 crianças e/ou adolescentes que estejam com rendimento escolar abaixo da média, que estejam em processo de evasão escolar, ou em atendimento pela Proteção Social Especial – CREAS, órgão ligado a Secretaria Municipal de Assistência Social.

A criança na família, escola e comunidade

“O objetivo desse projeto é aumentar a frequência escolar, em especial de adolescentes até 17 anos e dialogar sobre o convívio familiar e comunitário, debatendo regras e valores sociais que reparem o dano da violação/violência sofrida”, explicou a Secretária de Assistência Social Marisa Rodrigues, que trabalha a iniciativa juntamente com a equipe técnica do CREAS e as famílias dos adolescentes.

Resultados de uma política de parcerias

Para o prefeito Hélio Willamy, a seleção do projeto pela Fundação Itaú Social repercutiu positivamente na organização e estruturação do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente. “O conselho vem se mantendo forte e participativo, contribuindo nas políticas públicas em defesa da criança e do adolescente”, destacou o chefe do executivo municipal, lembrando que essa é apenas uma, entre tantas outras iniciativas pela garantida dos direitos da criança e dos adolescentes que contam com o respaldo legal da prefeitura na sua gestão.

Publicidade:

1 2 3 138