Macau: Vereadores votam projetos importantes antes do recesso parlamentar.

DSCF5596

Nas sessões ordinárias da Câmara Municipal de Macau na segunda-feira, 01 e quarta-feira, 03, os vereadores salineiros discutiram o Projeto de Lei n°012 de iniciativa do Poder Executivo, que dispõe sobre o Orçamento Anual para o exercício de 2015.

Presidente da Câmara, o vereador Oscar Paulino (PMDB), atendendo aos princípios fundamentais que orientam a elaboração do planejamento orçamentário e financeiro do Município, notadamente os da publicidade e da transparência, convidou a comunidade presente na sessão ordinária realizada nesta segunda-feira, dia 1° (primeiro) de dezembro para participar ao término da mesma, de uma audiência púbica para conhecimento, discursão e coleta de sugestões para possível alteração do Projeto de Lei de iniciativa do Poder Executivo, que dispõe sobre o Orçamento Anual para o exercício de 2015.

Ainda durante a sessão, foi aprovado por unanimidade pelos vereadores presentes o Projeto de Lei n.° 012/2014 de iniciativa Poder Executivo que altera os parágrafos 1° e 2° do Art. 46 da Lei complementar 007/13 que dispõe sobre a reformulação e consolidação do Plano de Cargos, carreiras e remuneração dos profissionais da educação do município de Macau.

O vereador Andrew Leite (PROS) durante a discussão do Orçamento de 2015, sugeriu que, os secretários da gestão municipal deveriam informar quais as reais necessidades de cada pasta, facilitando assim, o remanejamento de emendas e destinação de recursos onde mais seria necessário para que os benefícios chegassem diretamente a população mais carente de Macau.

Já o vereador Ely Nobre (PROS), é necessário que a saúde, educação e o social sejam as áreas mais beneficiadas com recursos do Orçamento, haja vista, sem saúde, educação e social, as coisas não acontecem, não andam, não prosperam. Essas três áreas tem que ter atenção especial do Executivo.

Facebook
Instagram